Responsive Ad Slot

SCS Quadra 3, Bloco A, Entrada A/B, Lote 40
70303-901 - Edifício Planalto, Sala 106
(61) 3347-6110
Últimas Notícias

Polaris - uma das maiores empresas de energia renovável chega ao Brasil

sexta-feira, 20 de março de 2015

A primeira fábrica na América Latina vai ser instalada em um terreno doado pela prefeitura de Rio Pardo/RS e vai produzir equipamentos de pequeno e médio porte.




O CEO da Polaris, uma das maiores empresas de energia renovável do mundo para pequena e média potência, Christopher Filos, esteve em Porto Alegre(RS) para dar início às operações da empresa no país, que ocorrerá mediante joint venture com a empresa gaúcha Synergy. O executivo gaúcho Sebastian Watenberg, vice-presidente da Polaris para a América Latina, está conduzindo o processo de instalação da empresa, na cidade de Rio Pardo(RS), no segundo semestre de 2016. 

Em 12 meses, a empresa tem a possibilidade de instalar 24MW de potência, que equivale ao consumo de energia de 35 mil pessoas. De acordo com Watenberg, a Polaris pode solucionar problemas pontuais das distribuidoras de energia, em regiões nas quais o investimento necessário para aumento da demanda atendida não tem bom retorno financeiro pelos métodos tradicionais, bem como ajudar indústria e agricultores a diminuir seus gastos com energia elétrica. “O sistema atual, no qual a geração de energia fica limitada a poucos players está saturado e a geração distribuída pode ser facilmente acoplada à infra estrutura de transmissão existente, atenuando os problemas energéticos existentes e contribuindo para a manutenção do preço da energia para o consumidor”, destaca. 

Em negociação desde outubro de 2013, a fabricante de aerogeradores aguarda a liberação de licenças para dar início à obra no terreno doado pela prefeitura do município, às margens da BR-471. Pelo cronograma, o início da operação deve ocorrer no segundo semestre de 2016 e atender o mercado latino-americano, o único em que a Polaris ainda não atua. “O diferencial do nosso produto é o tamanho das torres, que chegam, no máximo à 50m, com diâmetro de hélices de 30m”, revela Watenberg.

Fonte: Portal Fator Brasil
Não deixe de ver!